Novo presidente, novos desafios. Augusto César assume a presidência da Fempi

Da Agência Cape Press
O empresário Augusto César dos Santos é o novo presidente da Frente Empresarial Pró-Itaquaquecetuba (Fempi), ele tomou posse em janeiro deste ano. Aos 49 anos, este paulistano que é empresário na cidade há 16 anos, é casado com Cecília Keico dos Santos e pai de dois filhos: César Júnior (27 anos) e Jéssica Sueko dos Santos (25 anos).
No município, é proprietário da São Bento Materiais para Construção e sócio dos filhos na Rede Construir e na Elétrica São Bento. Com atuação de destaque no cenário social e político do município, presidiu o Rotary Itaquaquecetuba e a Casa da Criança antes de assumir o desafio de gerenciar a Fempi no biênio (2016/2017).
Entre outras atividades, participou do Conselho Diretor da Associação Comercial e Industrial de Itaquaquecetuba (Acidi), além de colaborar ativamente com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).
Além de o César, a nova Diretoria Executiva da Fempi contará com os seguintes membros: Itiberê Sant’Anna (vice-presidente e proprietário da Isotref), Lucas Morais (1º secretário e proprietário da Lucas Morais Projetos e Construções) e Sidinei Tiarga (tesoureiro e proprietário da Tiarga Corretora de Seguros).
O Conselho Deliberativo será formado por Eugênio Rêgo Santos (atual presidente e proprietário da Plásticos Rode), Luiz Gonzaga (Hidralf) e José Longo (Zincoligas).
Os conselheiros suplentes são: Walter Inácio (Reparol), Lairson Marque Pacheco (Embalagens Tocantins), Euclides Raia (WRP Comercial) e Carlos Lapique (Lapiendrius). “Por ser uma entidade constituída por empresários itaquaquecetubenses, a Fempi tem como propósito coordenar, gerir e organizar juntamente com a sociedade civil o desenvolvimento econômico e social no município. Estou motivado com mais este desafio e espero retribuir a confiança dos meus pares nesta indicação”, destacou César.
Confira agora em breve entrevista os principais pontos que o Cesar pretende implantar na Fempi:

Quais seus planos para esta nova gestão a frente da Fempi?
César: “Criar relacionamento entre os empresários, fazendo com que o pessoal da indústria tenha uma melhor aproximação dentro da entidade, inclusive com o Poder Público. O conhecimento leva a novos negócios e isto é benéfico a todos no município com a criação e manutenção de empregos”.
Como transformar ou fortalecer a Fempi no canal direto de representatividade junto ao empresário local?
César: “A princípio agrupar os associados existentes, criando ferramentas para que eles possam ter uma interação maior dentro da entidade. Em seguida buscar novos associados para que a rede de negócios seja mais ampla e com mais oportunidades. Com este cenário definido, realizar encontros mensais para que novas ideias sejam apresentadas, beneficiando um número maior de associados”.
Quais ações você pretende implementar como novo presidente da entidade? Sejam ações midiáticas ou projetos.
César: “Canal de ferramenta que vamos implantar é esta revista segmentada que será entregue porta a porta nas indústrias, além do comércio e algumas empresas prestadoras de serviço. A ideia é apresentar a gama de produtos e serviços que a cidade oferece. Muitas das vezes, uma empresa daqui produz a matéria prima que outra empresa necessita, mas acaba comprando em outro lugar por falta de conhecimento”.
A Expo Indústria Itaquá é um verdadeiro sucesso. Como você pretende fortalecer e ampliar o alcance deste evento promovido pela Fempi?
César: “Conto com o apoio do empresário local para que eles mesmos divulguem e incentivem outros industriários a aderir a Expo Indústria em 2016. A feira é um espaço para divulgar seus produtos e serviços e aproveitar o enorme potencial que a cidade oferece. Tenho que certeza que a cada ano o evento será maior e referência em todo o Alto Tietê”.
A Fempi é uma entidade apartidária e com o cenário político se desenhando na cidade, de que forma a entidade pretende colaborar para que o processo eleitoral seja o mais isento possível neste ano?
César: “Nossa expectativa é que a Fempi promova sabatinas com os prefeituráveis para que eles exponham seu plano de governo e apresentem suas propostas. Isto será importante para que a população conheça melhor os candidatos e analisar se os mesmos têm condições de assumir um cargo público de vital importância para o desenvolvimento do município”.
Como membro desta última gestão, quais os pontos de destaque e o que precisa ser melhorado a partir de 2016 quando você tomará posse?
César: ”Precisamos potencializar nossos encontros e cobrar uma participação mais efetiva dos membros para que a Fempi siga firme em seu propósito de defender o empresário local. Outra mudança que pretendo promover é buscar parcerias junto aos órgãos como Sebrae-SP, Ciesp, Sesi, Senai, Fiesp, Fatec e Etec, além de escolas particulares, para que o nosso espaço físico seja mais utilizado para capacitação do próprio empresário ou de seu funcionário, criando assim pessoas mais qualificadas dentro de seus ramos de atuação. Vamos buscar parcerias e palestras que visem melhorar e preparar melhor o empresário local para superar este momento de adversidade que nossa economia vem atravessando”.

Open chat
Posso ajudar?
Powered by