Fempi e Sebrae-SP promovem palestra sobre “Como melhorar as vendas em período de crise”

Quem conduziu a conferência foi o palestrante José Carlos de Araújo, diretor da EVA

“Como melhorar as vendas e aumentar o lucro em lojas de material para construção”. Com este tema, a Frente Empresarial Pró-Itaquaquecetuba (Fempi), em parceria com o Sebrae-SP e a Escola de Varejos da Anamaco (EVA), órgão relacionado à Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), promoveu na noite desta segunda (18 de abril) a palestra que tratou de assuntos relacionados a estratégias e organizações para aumentos reais nas vendas e, consequentemente nos lucros deste segmento.

Quem conduziu a conferência foi o palestrante José Carlos de Araújo, diretor da EVA. Em sua explanação, ele dividiu os ensinamentos em três módulos, são eles: montagem da loja, cuidados específicos com as questões financeiras e orientação de treinamento e preparo dos funcionários para um melhor atendimento aos clientes.

Representantes das entidades: Kurth (Sebra-SP), Augusto César (Fempi) e José Carlos (Anamaco)

Representantes das entidades na sequência: Kurth (Sebra-SP), José Carlos (Anamaco) e Augusto César (Fempi)

 

Em aproximadamente duas horas, 20 pessoas entre proprietários e funcionários de loja de material para construção interagiram e aprenderam técnicas organizacionais que prometem elevar o nível de profissionalismo no gerenciamento e atendimento de seus estabelecimentos.

Com foco no aumento das vendas, José Carlos de Araújo ressaltou a importância de implantar as técnicas ensinadas no cotidiano das lojas de material para construção. “Tratamos dos assuntos mais relevantes para que os resultados sejam alcançados. Com as melhorias sugeridas, temos dados que podem garantir 20% de aumento nas vendas em aproximadamente 10 meses. Agora cabe a cada empreendedor entender as suas necessidades e aplicar as estratégias para que haja o crescimento real nas vendas”, explicou o diretor.

Além de palestrante, José Carlos também oferece uma assessoria de acompanhamento para que as técnicas aplicadas alcancem um retorno real. “Existem novas formas de atender os consumidores e os vendedores precisam estar preparados. Uma loja bem arrumada, além de vários outros pequenos detalhes peculiares a aquele estabelecimento, pode gerar um amento nas vendas em curto período de tempo de aproximadamente 20%. Por isso, disponibilizamos um curso que conta além dos ensinamentos para reduzir os prejuízos, um acompanhamento para aplicação das práticas aprendidas”, concluiu.

 Visão dos participantes

O presidente da Fempi, Augusta César dos Santos, participou e gostou do que foi apresentado. “Tivemos um número de pessoas razoável, confesso que eu esperava mais, mas o conceito foi ótimo. Se todos nós trabalharmos juntos, conseguiremos ter espaço de maneira positiva tanto para os lojistas quanto para os consumidores. Pessoalmente gostei muito de tudo o que foi dito”.

Para Cleunice Maria da Silva, compradora de uma loja de material para construção, os pontos que mais chamaram sua atenção foram: “Focar em vendas é necessário. Preparar o vendedor, ter foco do que a loja pode vender e não ficar expandindo em quantidade e perdendo em qualidade. Coisas simples que podem mudar o dia a dia e os lucros da loja onde trabalho”, explicou.

A palestra incentivou e mostrou que é “possível sim, crescer”, de acordo com Clovis Feitosa, também trabalhador do ramo de matérias para construção. “Participando da palestra pude abrir meus olhos e enxergar opções para expandir os negócios e crescer. Acredito que um dos grandes problemas é a falta de crença que podemos conseguir. As mudanças são simples e podem trazer os resultados”, concluiu.

Palestra apresentou medidas de como melhorar as vendas em período de crise

Palestra apresentou medidas de como melhorar as vendas em período de crise